Are you in ?

Visit our online store design especially for your country

go to website
Stay on this website
O que mudou na identificação dos combustíveis?

Postos

02 Novembro 2018

O que mudou na identificação dos combustíveis?

O que mudou na identificação dos combustíveis?

Conforme a norma europeia, aplicada em Portugal desde outubro de 2018, os veículos novos ganham um novo autocolante, no bocal do combustível e nos manuais de utilização.

Estas novas etiquetas serão também adicionadas nos postos de abastecimento de combustível, junto de cada mangueira de abastecimento.

Existem formas de identificadores específicos para gasolina, diesel e para combustíveis gasosos. Mas não se preocupe, porque manteremos também as designações atualmente utilizadas.




A gasolina estará identificada sob a forma de quadrado, com a letra E, e a respetiva percentagem de etanol (geralmente 5, 10 ou 85 por cento).

Já o diesel, será identificado com um quadrado e pela letra B, seguida da percentagem contida de biodiesel (7 ou 10 por cento). Neste caso, poderá encontrar ainda a identificação XTL, correspondente ao diesel sintético, um combustível não derivado do petróleo.

Os combustíveis gasosos, por sua vez, serão identificados sob a forma de um losango com a respetiva sigla correspondente.


Com estas novas identificações será possível, em qualquer parte da Europa, identificar produtos de diferentes marcas, mas com as mesmas características.