Are you in ?

Visit our online store design especially for your country

go to website
Stay on this website
Portugal é um dos países em que a venda de carros elétricos mais cresce

Mobilidade Elétrica

07 Maio 2018

Portugal é um dos países em que a venda de carros elétricos mais cresce

Portugal é um dos países em que a venda de carros elétricos mais cresce
Quem anda de um lado para o outro já não se espanta quando se cruza com um carro elétrico no trânsito. E há uma boa explicação para isso: as vendas deste tipo de veículos em Portugal não param de subir e o nosso País ocupa já um posto destacado no ranking de países de maior adesão dos condutores aos veículos elétricos. De acordo com os dados revelados pela EV Volumes, Portugal ocupava, em 2017, um lugar destacado na lista de Países com maior crescimento da percentagem de veículos elétricos no mercado de novos automóveis registados.

Entre os países em que esta percentagem é mais elevada, destaque para a Noruega, que lidera o ranking. Portugal ocupava, em 2017, a 18.ª posição desta lista da EV Volumes, à frente de países como o Canadá, o Japão ou até os Estados Unidos.



Os dados divulgados pela EV Volumes estão em linha com os dados conhecidos do mercado interno: segundo a ACAP – Associação Automóvel de Portugal, no ano passado a venda de veículos 100% elétricos mais do que duplicou em comparação com os números de 2016. Ao todo, foram vendidos 1640 veículos apenas movidos a baterias, o que representa um aumento de 116,9% face ao período homólogo.

Por detrás destes números, explica a ACAP, estão os fortes incentivos dados pelo Estado e o alargamento do número de pontos de carregamento – liderada pela PRIO, que detém a maior rede nacional de pontos de carregamento de veículos elétricos. Recorde-se que o Fundo Ambiental disponibiliza um subsídio no valor de 2250€ às primeiras mil pessoas que apresentem um comprovativo de compra de um carro elétrico.
E os benefícios não ficam por aqui: quem quer adquirir um automóvel elétrico pode já ficar a saber que o preço do veículo não inclui o Imposto Sobre Veículos (ISV). Estes beneficiam ainda de um baixo Imposto Único de Circulação (IUC), entre 7,91€ e 35,87€.